Estado atende prefeitos e Hospital Regional passa a fazer ressonância até meia-noite

Estado atende prefeitos e Hospital Regional passa a fazer ressonância até meia-noite

Secretaria de Estado de Saúde confirma que medida passa a valer imediatamente

 

O Hospital Regional Drª Zilda Arns passa a partir de agora a fazer exames de ressonância magnética em horário noturno, diferenciado, como forma de atender um pleito dos prefeitos da região do Médio Paraíba. A novidade foi confirmada pelo secretário de Estado de Saúde, Doutor Luizinho, nessa terça-feira, dia 29, durante uma teleconferência com o prefeito de Volta Redonda, Antonio Francisco Neto.

“Estamos atendendo os prefeitos que, liderados pelo prefeito Neto, me pediram na última reunião do Consórcio Intermunicipal de Saúde do Médio Paraíba que a gente aumentasse o número de exames. Isso foi contemplado e vamos ainda preparar outras novidades para o Hospital Regional”, disse doutor Luizinho.

Os prefeitos e secretários de saúde de toda a região se reuniram com Doutor Luizinho no último dia 9, no próprio Hospital Regional, para debater maneiras de fortalecer o atendimento à população. Neto afirmou que a fila de ressonância magnética é das maiores em toda a rede pública de saúde da região, apesar dos esforços das prefeituras.

Além disso, Neto ainda destacou que Volta Redonda também está investindo em maneiras de fazer os exames pela rede municipal.

“O Doutor Luizinho foi muito atencioso e não tenham dúvidas que essa iniciativa vai ajudar a reduzir essa fila. Mais que isso, vamos salvar vidas. Passada a pandemia, quando a importância do Hospital Regional ficou evidente, estamos vendo as necessidades da região e moldando as características do atendimento”, disse Neto.

A expectativa é que mensalmente sejam feitos mais 300 exames de ressonância no Hospital Regional, a partir desta nova carga horária. De segunda a sexta-feira, o exame será feito das 7h até meia-noite. Aos fins de semana, o horário será das 7h às 20h.

“Essa é a importância de os prefeitos estarem unidos, pois podemos fortalecer a região de uma maneira geral. Nossas cidades são muito próximas e temos problemas comuns, que podem ser solucionados a partir da nossa união”, disse Neto.

Fotos de divulgação – Secom/PMVR.

Pin It

Últimas Notícias