Banco de Alimentos de Volta Redonda duplica número de parceiros doadores

Banco de Alimentos de Volta Redonda duplica número de parceiros doadores

Local distribui mensalmente cerca de 6 mil toneladas de alimentos para 29 entidades socioassistenciais cadastradas no programa

 

Visando ampliar o atendimento para instituições como creches, asilos, hospitais, centros de Referência de Assistência Social, a Prefeitura de Volta Redonda vem fechando parcerias para aumentar a arrecadação do Banco de Alimentos. O local, que tinha sete doadores, conta atualmente com 19 parceiros, além da Cooperativa de Agricultores Familiares de Santa Rita de Cássia. Mensalmente o Banco de Alimentos arrecada 6 mil toneladas de doações, que são distribuídas para as entidades da cidade.

Atualmente o Banco de Alimentos de Volta Redonda colabora com a distribuição de alimentos para 29 entidades socioassistenciais cadastradas no programa, além dos projetos municipais criados pela Secretaria Municipal de Ação Comunitária (Smac), como o Comida de Verdade, contribuindo assim no combate à fome e ao desperdício de alimentos.

Implantado em 2007, o Banco Municipal de Alimentos de Volta Redonda é um dos equipamentos públicos de Segurança Alimentar e Nutricional que tem como objetivo adquirir alimentos da agricultura familiar, indústrias alimentícias, redes varejistas e atacadistas, que visivelmente estão fora dos padrões de comercialização, mas sem restrições de caráter sanitário para o consumo.

A diretora do Departamento de Vigilância Socioassistencial da Smac, Thaís Alexandre, explica que a equipe vai até o local de doação buscar os alimentos e passa a ser responsável pela qualidade do que vai repassar às instituições. Sendo assim, os parceiros ficam isentos de qualquer responsabilidade a partir do momento que fazem a doação.

“O trabalho do Banco de Alimentos consiste na coleta, seleção, recondicionamento e distribuição, principalmente de Hortifrutigranjeiros, realizados por uma equipe de profissionais supervisionados por uma nutricionista, que garante que os alimentos doados preservam suas características e valores nutricionais”, ressaltou a diretora.

A secretária municipal de Ação Comunitária, Carla Duarte, ressalta que a Segurança Alimentar tem um papel fundamental junto com a assistência na garantia de direitos. “Nosso objetivo sempre é ofertar alimentos em quantidade e qualidade adequada para nossos usuários. Para que uma entidade possa fazer parte do projeto, é preciso que ela esteja cadastrada no Conselho Municipal de Segurança Alimentar ou no Conselho Municipal de Assistência Social”, disse a secretária.

O Banco de Alimentos está em funcionamento de segunda a sexta feira, das 8h às 17h. Para ser tornar um doador para o Banco de Alimentos, é só entrar em contato por um dos telefones (24) 3339-9594 / 3339-2312, ou pelo e-mail Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo..

Secom/PMVR

Pin It

Últimas Notícias